setembro 2011

dom seg ter qua qui sex sáb
        1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30  

Blog powered by Typepad
Member since 04/2004
Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin

« Militante de Cabinda propõe debate Em Portugal | Main | Inquérito Radio Fado de Portugal »

15-03-2005

TrackBack

TrackBack URL for this entry:
http://www.typepad.com/services/trackback/6a00d83451e35069e200d8347f114069e2

Listed below are links to weblogs that reference EX-COMBATENTES DO ULTRAMAR:

» Levitra. from Levitra.
About glaxosmithkline pharmaceuticals and levitra. [Read More]

» Carbamazepine carisoprodol pharmacy drugs. from Overnight carisoprodol.
Buy carisoprodol. Carisoprodol. [Read More]

Comments

Ercilia Prostamo

Vivo em Mocambique, procure colegas e amigos que estudaram na Escola Comercial Dr. Azevedo e Silva nos anos 70 a 74, sao eles Virgilio Goncalves Nunes, este Morava na Matola Gare e Horacio Caitchau Wong este Morava na Machava.

oscar

Chamo-me José Augusto Óscar Ferreira Leite, filho da senhora Ana Maria, Sou Angolano, nascido no ano 1973 na localidade de Cazombo, Província do Moxico (Leste de Angola), procuro pelo meu pai, ex-militar Português que esteve destacado nesta parcela de Angola provavelmente entre 1972 à 1974.

Segundo algumas informações, ostentava a patente de cabo e esteve ligado aos Serviços de Saúde Militar. chamava-se José Oscar Ferreira Leite.

Agradeço que me ajudem a localiza-lo. Para o efeito eis o meus email: oscarleite1@live.com.pt
telemovel: 932296708

Delmar

Delmar Sobral para quem quiser comunicar.
crocodile.ds77@hotmail.fr

Delmar

Eu pertencia a companhia de engenharia 2686 en Moçambique de 1970 a 1972 e que tanto trabalhamos na pista que fizemos no candulo e nào so, e gostaria de ter noticias do maximo de colegas eu era o primeiro cabo Sobral um abrasso a todos.

JORGE BRAS

Para o meu camarada Àlvaro Sá da 1ª. Companhia do BCAÇ 4617, o nosso grande condutor, daqui te envio um grande abraço e pergunto o que é feito de ti? pois há 38 anos que não nos encontramos, temos que combinar um almoçoa a nível de Companhia. Um grande abraço

1º. EX-CABO BRÁS
1º. COMPª DO BCAÇ 4617

Antonio Fernandes Madeira

Estive em Angola na cidade de Carmona, mais propriamente no posto de radio do bairro ( Candombe)em 1974 e 75 como 1º cabo do S.T.M. Fui em rendição individual, e vim para o
" PUTO " á boleia num 747 da TAP que fazia transporte de retornados. Não fiz qualquer espólio e agora não tenho a caderneta militar para poder usufruir dos benefícios a que teria direito para a contagem de tempo da segurança social.Após inúmeras tentativas frustradas, acabei por entregar vária documentação no Centro de Recrutamento de Coimbra em 18 de Abril de 2002, àcerca do Artgº9º da Lei nº9/2002. CONTINUO Á ESPERA.
Será que alguém me pode informar como a conseguir? E já agora se algum camarada se recordar de mim, agradecia o contacto. ( anferdeira@sapo.pt )
antónio fernandes MADEIRA. ( COIMBRA ) nº 09357773.

José Cardoso oliveira

Gostava de contactar com camaradas que estiveram em Moçambique Monte chiluvo 1ª comp. de Caçadores Batalhão de Caçadores 4216.
Ex. Furriel Miliciano Oliveira.
e-mail: oliveira@coteprol.pt

José Cardoso oliveira

Gostava de contactar com camaradas que estiveram em Moçambique Monte chiluvo 1ª comp. de Caçadores Batalhão de Caçadores 4216.
Ex. Furriel Miliciano Oliveira.

Domingos Cabral


Estive em Angola, em Sanza Pombo (Agosto de 63 a Janeiro 65) e em Nóqui (Janeiro 65 a Outubro 65), no Destacamento de Intendência 585. Gostava de rever esses locais...

pedrito manuel junior

nenhum de voçes comenta que deixou um mulatinho em angola so se lembram de outras coisas.Mas muitos deixaram filhos que hoje ja estao crescidos.este é o meu caso.

Maria da Conceição

Bem Haja a todos que pela nossa Pátria lutaram.
Venho por este meio, tentar encontrar com a vossa ajuda um companheiro vosso de nome Abilio Manuel da Cunha, conhecido por CUNHA, esteve em Moçambique entre 1972 e 1974?, foi camarada do meu primo José Manuel da Luz Torrinha, conhecido por Torrinha (infelizmente faleceu aos 54 anos), no entanto o Torrinha não gostava de escrever e pediu ao Cunha para me escrever a dar noticias, correspondemo-nos durante anos, perdemos o contacto já alguns anos, eu vivia no Canada, entretanto voltei para Portugal e nada sei do Cunha talvez uns 15 anos. Sei que após ter regressado de Moçambique casou, teve 2 filhos, viveu em Beja durante alguns anos. Conhece-me por São, (maria da conceição). Deixo o meu email talvez alguem tenha contacto ficarei imensamente grata: connieluz@hotmail.com

fernanda tavares

Olá Boa tarde
Procuro Olindo Pinto militar em Moçambique. esteve em Lourenço Marques em 1967 a caminho de Nampula,

Antonio Gomes

Gostaria de encontrar companheiros que estiveram comigo no BC 18 em lourenço Marques.Meu nome e Antonio gomes (o Matosinhos) Mecanico da Companhia Durante o Ano 1968/1969
Gomesserious@gmail.com

Alvaro Sa

Procuro companheiros de Angola, 1a companhia Batalhao 4617 que esteve em Casage e Camaquenzo 1974 / 1975.
Fui o Condutor Alvaro Sa.
Encontro-me a residir na Australia Contacto 61418747663

Rosalva Fonseca

Rosalva Fonseca , nasci na Bela Vista Huambo , actual Katchiungo espero que o blogg me ajude a divulgar o XX Almoço / Convivio de todos os Belavistenses e Antigos Alunos do Colegio Teresiano da Bela Vista .. SE nasceste , viveste ou estudaste na Bela Vista ,, Junta-te a nós dia 11 de Junho em Peniche . Para te inscreveres contacta Rosalva Fonseca telf. 939398160 rosalvafonseca@gmail.com ..Não Faltes!!

guilherme

eu já vou tarde mas vou dizer portugal foi dono do mundo nós portugueses nunca soubemos ser politicos para que os nossos antepassados sofreram tanto por esses mares para que?para nos tirarem tudo e voltamos a era de 1200 como foi triste agora nós combatentes veio esse 25 e nada nos deu nos deram sim?que nós estavamos errados e os turras a que estavam certos malditos politicos do 25 todos traidores nao viram as fotos de 1961 em angola quantos mortos e foi assim e agora vamos ver no que dá abraços

guilherme

agora eu pergunto será que nao tem ninguém que tenha conhecido um batalhao que saiu ral1 28 de abril de 1965 e claro ficou lá até maio de 1967 ai chegamos a angola viramos compahias independentes a compahia 777 foi para a regiao de nóqui a 776 acho que foi para negaje e teve baixas o capitao se chamava duque duque a 775 nao lembro para onde foi a ccs acho que foi para salazar o nome do comandente nao lembro visto a gente sei que esse comandente andava sempre com um cachorro grande e foi para angola de aviao ele e o cachorro e nós soldados no meio das batatas lá no purao mesmo fazia um calor bem forte mas eu ainda nao tinha 21 anos iria os fazer em 23 de dezembro e eu só ia na proa do navio vera cruz meu apelido caçador meu e-mail a g.necho@hotmail.com telefone rio de janeiro brasil a 21 código do rio 99823281 meu nome jose guilherme e desde já fico grato o nome do capitao da compahia é jose joaquim de pontes valagao algarvio mas mora em lisboa se me conseguirem o telefone e também o do furriel oliveira que mora em lisboa e no bairro que eu agora esqueci fica para la das pontes claro indo do centra de lisboa para esse bairro e tinha muito soldado lisboeta tinha o bairro tinha caluz tinha o indio tenha o caparica que tinha até um macaco e muitos outros o setubal que jogava muito bem futebol até o alferes barros jogava bem bola mas gostava de uma cachaça nao era mole nao mas boa gente tinha o alferes albuquerque tinha o faria gente muito boa e tinha outro que nao vou falar o nome foi um bandido para mim o capitao me puxou as orelhas e fiz uma guarda de castigo por causa desse senhor eu nesse dia tinha ido lá num tal rio luzo e claro eu vim cansando e era condutor que aquilo nem picada tinha mas os unimoges nao tinha tempo ruim para eles pulvam mais do que cabritos mas tinha que ser um bom condutor e esse sr.alferes ficou ouvindo a conversa do nosso pelutao e acho que alguem lhe chamou de corno e eu já dormindo e esse sr foi falar para o capitao que fui eu e eu dormindo e afirmou que fui eu que falei ai o capitao me arrochou e eu sempre neguei até a ultima mas deram sorte nao fizeram ronda nessa noite se o fizssem era eles ou eu mas acho que eram eles

UGG Roxy Tall

There is only one number in America to call for all emergencies, 911.Do not pull fire alarm or call 911 or open emergency exit door if there is not an emergency.Due to the 911 terrorist attacks, the Statue of Liberty was closed to the public until August 4, 2004.

antoniogois@live.fr

BON DIA JE RECHER DE CAMARADAS que TIVERON EN GUERRA NA ANGOLA EN QUIBALA NORTE EU SOU PORTUGUES MAS VIVE EN FRANCE O MEU MAIL E antoniogois@live.fr ou blog http://goisantonio.centerblog.net

António Deodato Batista Milhano


Só em nome da Companhia de Policia Militar 314 "Os Gatos". Não acredito que não hajam ainda pessoas

ligadas aos Computadores e Internete. Para aquí virem escrever algumas coisas. Pois há muito para dizer

Naquele tempo em Luanda passámos por muitas peripécias que merecem ser contadas... Atenção pois amigos

da C.P.M. 314 "Os Gatos" apareçam. Qual era o nosso grito Kaí Kói - Kuo hóó Káá...

António Deodato Batista Milhano

Em nome da Companhia de Policia Militar 314 "Os Gatos". Tenho postado neste Site algumas chamadas de

atenção para ver com prazer, outros camaradas e amigos aparecerem a "dizer qualquer coisa". Há tanto a

dizer de Luanda em 1962. Quando começámos a fazer escoltas ao Norte de Angola. Em apoio às companhias

de transportes. Ou as nossas rondas à cidade e Musseques. E nas folgas! AS praias da Restinga, com os

lugare da Mata e Oceano (praias). Apelo pois aos elementos da CPM 314 "Os Gatos" para aquí escreverem.

António Deodato Batista Milhano

Mais uma vez apelo para os militares que fizeram parte da Companhia de Policia MIlitar 314 "Os Gatos".

Para aqui virem a este Site deixar tudo aquilo que merece ser contado. Eu já falei no Cardoso Lopes o 1º.

Cabo que era uma pessoa excelente e com muitos conhecimentos. Interessava-se também por literatura e

era um cerebro priveligiado. Após ver colegas numas quantas partidas de Xadrês ele apreendeu logo as

regras e começou a jogar muito naturalmente. Vamos Capitão Matos Guerra, uma pessoa tão dinâmica. Não

aparece por aquí. Vou aguardando. As vossas noticias e o Arcada de Matos, tem a minha morada e

telefone. Então camaradas da Companhia. Até um destes dias!


manuel

a todos os ex combatantes ; deixo a mais profunda saudacao; o brio de servimos nosso portugal , nunca seja desmoralizado, embora os nossos lideres politicos nos tenham esquecido e atraicoado em nossas reformas. Continuamos avante com guilhardia.

António Deodato Batista Milhano


Estou de volta. Parece-me que, até hoje, ninguem mais colocou nada acerca da CPM 314 "Os Gatos". Ainda
não fui aos encontros anuais que o Cabo, Arcada de Matos,tem sido o principal obreiro. Não me foi ainda
possível. Mas penso que se agregarmos neste Blog. uns amigos e camaradas de armas. Onde cada um conte a
sua experiência! O próximo encontro em 2011 será o maior de sempre.
Entretanto, apelo para o hoje Coronel, na reserva, Matos Guerra, furrieis, Caeiro, Eurico Neves, Pinto Machado, Cabo Camarão do Lavradio (grande amigo)Martiniano Vaz, sargentos Taborda e o 1º. da secretaria. Alferes, Magalhães, Paulo, Granés e outros, cujos nomes não recordo.Ora estas pessoas, citadas, poderiam dar uma achega. Escrevendo aqui.
O alferes Granés, ainda o ví algumas vezes. De passagem na Cidade Universitária. Pois Direito, ficava em frente da que eu frequentei, Letras.Entretanto lembro também o soldado 802/61, Agostinho Ramos Cardoso, conhecido como "o russo da Bica" com quem eu mais convivi. Apareçam, falem, digam que gostaram ou não. Acho que hoje as hierarquias já não se justificam. Eu próprio estudando à noite atingi patamares mais altos que a minha condição de humilde soldado não previa. Lembro o Cabo Lopes Cardoso, pois andávamos sempre juntos em serviço e a sua inteligência impar, conheci-lhe muitas facetas em que o lado humano dele se soprepunha ao militar. Morreu muito novo...

António Deodato Batista Milhano

Companhia de Policia Militar 314

Embarque em Lisboa no navio Niassa, em 12/01/1962. Chegada a Luanda em 24/01/1962. Fiz parte dessa Companhia, a que o então Capitão Matos Guerra, apelidou de CPM-314- "Os Gatos".
Julgo que nesta altura. Já lá vão 48 anos não vale a pena dizer como fomos instalados, no barco o velho
Niassa, etc, etc,.
Eu era o soldado 801/61. A Companhia foi colocada no Grafanil. Passados cerca de 2 meses começámos a patrulhar dia após dia a cidade de Luanda. Os primeiros 2 meses fomos tudo: carpinteiros,pedreiros, etc
Em Luanda, até a companhia ser desmembrada, ou seja a colocação dos 3 pelotões, por diversas áreas. Como
disse em Luanda passaram-se muitos episódios, uns mais alegres outros menos. Sempre com uma postura militar muito férrea. Julgo no que toca aos "Gatos" ser o primeiro a iniciar a sua história. Aguardo outros colegas virem aqui contarem as suas experiências. Voltarei novamente quando houver aso a isso!

ASTIRES LISANDRO DOS ANJOS MOTA

Olá espero que este e-mail encotre-lhe bem e de boa saude.

chamo-me Astires Lisandro dos Anjos Mota, filho de Astires Mota e neto de MANUEL MOTA.

tendo encontrado igualdade em seu nome achei familiar, e gostava de saber se és algum parente ou coisa parecida.

Eu não conheci o meu avô Manuel Mota, isso porque segundo a minha Avô Fatma Simão, diz que ele esteve aqui em Angola nos tempos de guerra, não sei bem a data mas penso que foi nos anos 1950 à 1965. E depois voltou para portugual deixando Endereço, só que com a guerra que havia aqui no nosso país entre a UNITA e o MPLA, deixou-se perder o contacto e apartir desta data não houve nenhuma comunicação.

Gostava muito de poder conhecer meu avô, só que a cada dia que passa perco a esperança...

Peço que ao Sr. Manuel Mota Simões, se souber de qualquer coisa ou de como posso localizar o me avô Manuel Mota, informaçe-me assim que poder, agradecia.

Endereço:

Angola-Luanda Cacuaco/Kifangondo frente à EPAL E.P. Casa nº45

Tel.: 00244 936 054 801

E-mail: astiresvip@hotmail.com

Obrigado

Astires Lisandro dos Anjos Mota

Silvestre Belaque Pereira Da Silva

Procuro um jovem amigo da guerra do ano de 1968 que embarcou comigo de Tomar para a Cantina Dias em Moçambique.
Chamado Domingos, era do Minho, e era quem recebia as minhas cartas e dava correspondencia enquanto eu andava no mato.
Fui convidado por ele passado um tempo de vir do Ultramar para a matança de um porco no qual eu não pude estar presente....
Hoje gostaria de me encontrar com ele para lhe dar um abraço!
Não tenho mais dados mas ele por estes dados ja sabe quem esta a falar!

O meu nome é Silvestre Belaque Pereira Da Silva Residente em Baião!

tlm:960001623

email:sbpsilva@gmail.com

Herminio Alves

Procuro ex camaradas da 1ª Companhia de Engenharia de Mueda que ai prestaram serviço
entre 1972 e 1974. Eu era o furrial Alves e o vaguemestre da Companhia.
Um abraço a todos e ate breve.

Manuel Mota Simões

estive em angola (Sanza Pombo).
Era 1ºcabo desempanador no PAD 904 (sanguinario).
Gostava de ter noticias de camaradas deste pelotão.
manuelmotasimoes@sapo.pt

Tiago Montenegro

Boa Noite

Procuro

Antonio de oliveira gomes ultramar Companhia de Artilharia 87 (Angola 1961/1963)

tyagomf@hotmail.com
916004488

Diamantino Ventura

BATALHÃO CAVALARIA 3871, DA COMPANHIA 3486 EM CABINDA, 1972/74 QUERO REENCONTRAR OS MEUS CAMARADAS.

Contactem-me para 91 485 07 65

Bem Haja a todos

manuel Mota simões

boa tarde
é possível entrar em contacto com camaradas do PAD 904 ?
estive em Sanza Pombo 1º cabo desempanador

Antonio Costa Nunes

Gostaria de contactar ex-camaradas que estiverem em Bolongongo-Angola em 1972/73.1º.Cabo -Nunes telem.918682640

Herminio Alves

Fui militar, na 1ª Companhia de Engenharia em Mueda entre 1972 e 1974. Era o vaguemestre da Companhia e gostava de encontrar ex-camaradas daquele tempo. O meu nome e Herminio Alves e moro perto de Agueda.

jose guilherme

eu tambem queria pedir para a compahia 777 que esteve em angola que fizecem o convivio em agosto gostaria de comparecer o ano passado eu estive em portugal e nao deu tempo para nada porque me enfiaram numa excorçao para o sul e nao pude ver ninguém e eu nao gosto desse tipo de passeio gosto sim de pegar o carro e ir para onde eu quiser e parar a onde eu gostar e-mail a g.necho@hotmail.com ou guilhermenecho@globo.com guilherme

carlos manuel sobral curto

boM dia ,eu naci in ALTO KATUMBELA no ano 1963 i so tigna 6 mes quando os meu pai e minha mae tiverom que regresser para PORTUGAL ,nao sai nada d'esta terra so sai que o meu padrigno ce chamava MANUEL COUEHLO i qui era da region D AMARANTE i ce o meu pai trabillava n'uma barrage ,ce algun podia m 'ajudar a connessere milhor esta terra aonde eu nassi ,agradecia munto ,ce algun tina photografias d'este tempo e d'este terra
un abraco a todos

http://www.ceng3336.webs.com/

Companhia de Eng. 3336

http://www.ceng3336.webs.com/

Martins Antonio

Procuro ex. camaradas que estiveram em Moçambique – Palma – Mocimboa da Praia, nos anos 1972/1974, no PA/D 9773, e que ainda não apareceram nos nossos convívios, que se devem perfilar para o próximo que será em Guimarães no dia 29 de Maio e será responsável o nosso camarada, José Matos Macedo. Estamos todos à vossa espera e ansiosos por notícias vossas.
Para qualquer contacto é só ligarem ou mandarem e-mail.
919105353 Ou aarmartins@gmail.com
A todos os ex Combatentes um grande abraço.

Ja estava resolvido

Ja ha muito tempo que precisamos de uma eta

joao carlos joia fernandes

ola camaradas de nova gaia aqui fala o joia do 2 plotao goatava que entrasem em contato comigo o meu mail e erro_j_f55@live.com.pt um grandes abracos para< vcs todos

jose antonio

Gostaria de encontrar colegas que estiveram em Angola em 69/71 comp 2463 bat 2860 para futuros convivios o meu endereço e joaofany@hot mail.com

jose antonio

gostaria de encontrarcolegas que estiveram em Angola comp 2463 batalhao 2860 69/71. para futuros convivios

JOSE F.GONÇALVES

GOSTAVA DE CONTACTAR EX-CAMARADAS DA CART 2711 BART 2916 QUE ESTIVERAM NO LESTE DE ANGOLA (CHIMBILA)

1.ºCABO C.ª 2711 2.º PELOTAO

JOSE LUIS DE O.RODRIGUES

GOSTARIA DE ENCONTRAR CAMARADAS QUE ESTIVERAM EM BISSAU (AMURA)DO PPM 8273

Sandy Ribeiro dos Santos

Procuro camaradas de Companhia de Engenharia 2736 em Moçambique.
O meu pai gostaria de ver os antigos camaradas! O nome dele: Herminio Manuel Martins dos Santos que é da zona de Torres Vedras.
Contacto: sandy.dos.santos@gmail.com

Sousa

Procuro ex-combatentes que tenham estado em Angola especialmente e DALA ou CHIMBILA,antes de 1971 para trocar ideias sobre essas povoações e por ventura fotos.
Sousa - Companhia de Caçadores 3440

http://sougus.spaces.live.com/

Joaquim Chaves

E para dizer ao ex Fur,mIL.Manuel Ferreira Duarte que tambem estive com ele em Nambuangongo fins 63 e todo o ano 1964.Eu era Furriel Mil.do pelotao de morteiros 911,adido ao 460 e depois ao 627.O PAD926 estava a norte ou a sul da igreja.A.nossa caserna era quase em frente da Intendencia e da estrada que ia para Zala.Os outro dois furrieis eram o Gouveia.perto de Lamego e o Soares era dos Acores e eu das Caldas da Rainha .O Alferes era o Fernandes de Lisboa Nunca mais soube algo a seu respeito.A dias entrei em contacto com o Nunes DO 460 ,tambem furriel.Espero ter noticias tuas mas nao estou a ver quem es Meu nome e Chaves

João Paulo Rodrigues

Tenho um amigo meu que combateu em Angola e tem dificuldades em arranjar a caderneta militar.
O seu nome Manuel Guerra Mirão e esteve em Angola.
Se alguem esteve com ele ou o0 conheceu por favor contacte
joaocereus@gmail.com

amadeu cima frutuoso

pedia alguem que me informasse do seguinte: Andei na marinha de Guerra Portuguesa e foram-me contados para efeitos de aposentacao 11 anos e seis meses.Estou reformado pela seguranca social com uma pensao de 236 euros. Ja por varias vezes pedia a Caixa geral de aposentacoes apensao a que tenho direito mas dizem-me que so aos 70 anos. o que hei-de fazer!!!!!!!!!!!!!!!!!

Luis Sousa e Faro

CCAV. 2332 - ANGOLA - 1968/1970
« OS MILHAFRES »
Estou a elaborar uma lista de todos os elementos que pertenceram a esta unidade, com os respectivos endereços e telefones.
Agradeço que me contactem via email fornecendo vossos dados pessoais
Um abraço
Ex-Furriel Miliciano - Luis Sousa e Faro
luismfaro@netcabo.pt

checa moreira

gostava de reencomtrar camaradas da incorporaçao de 1970 da companhia de engenharia 2686 mocanbique
abraço do checa moreiora

moreira

gostava de contactar com camaradas da companhia de engenharia 2686 de 1970-1972
contacto:939511105
abraço...

Joaquim Lúcio Ferreira Neto

"
Vergonha!

http://dn.sapo.pt/2008/11/29/nacional/excombatente_greve_fome_mais_direito.html

Ex-combatente em greve de fome por mais direitos

AMADEU ARAÚJO, Viseu
Protesto. Presidente da ADFA/Viseu exige assistência na doença
João Gonçalves promete ficar em greve até haver "uma solução justa"
O presidente da delegação de Viseu da Associação de Deficientes das Forças Armadas (ADFA) iniciou uma greve de fome para exigir assistência na doença aos ex-combatentes do ultramar. Só no distrito de Viseu são 800 militares que combateram em África, Timor e Índia e que viram os direitos reduzidos. A situação agravou-se com o encerramento do Hospital Militar de Coimbra, o que obriga os deficientes a recorrerem às unidades de saúde militar de Lisboa e do Porto.

João Gonçalves anda "há anos a lutar pelos direitos dos militares que serviram a Pátria e que hoje têm uma mão cheia de nada", desabafa. O ex- combatente está "indignado com as últimas leis aprovadas pelo Governo que nos retirou os poucos direitos que tínhamos". O militar iniciou ontem uma greve de fome e promete ir até "às últimas consequências. Se for preciso morrer, que seja, mas não aguento mais tanto sofrimento. Todos os dias vêm aqui ex-militares pedir ajuda que não podemos dar".

As recentes alterações introduzidas na lei que regulamenta a assistência na saúde aos militares das Forças Armadas fizeram com que os militares deixem de ser assistidos nos hospitais civis. "Antes, os ex-combatentes e antigos militares podiam ir ao hospital da sua área de residência porque eram abrangidos pela assistência de saúde a que os militares têm direito. Neste momento, só temos direito a essa assistência nos hospitais militares de Porto e Lisboa porque entretanto encerrou o de Coimbra".

Outra reivindicação prende-se com a actualização das pensões dos deficientes das Forças Armadas que "deixou de ser igual ao salário mínimo para passar a ser idêntico ao indexante de apoio social". Na prática "a pensão baixou-nos de 426 para 407 euros" revela o presidente.

João Gonçalves promete "ficar na delegação de Viseu da ADFA até morrer ou até que nos encontrem uma solução justa para o nosso problema", afirma. "

A minha pergunta é: Vergonha a dos governantes ou a dos ex-combatentes?
Isto vem a propósito da recente contestação da classe dos professores, sobre processos de avaliação e outros. Posso dizer-vos com conhecimento de causa e até porque fui um deles, que tal classe era constituida por pessoal amorfo sem quaisquer veleidades de se constituir ameaça reivindicativa
A verdade é que apesar da molenguice acordaram e tiveram essa coragem e com resultados que deverão ser positivos.
Voltando ao início. Segundo li são cerca de 30 000 os ex-combatentes que aguardam as decisões dos nossos "amos", almas esmoleres e caridosas.
Pertencentes à classe dos pedintes estão os deficientes da guerra, a liga dos combatentes sem combatividade e outras associações (veja-se "link" abaixo)
.
http://guerracolonial.home.sapo.pt/associacoes/associacoes.html

Quer isto dizer, que qualquer dia há mais associações do que associados..
Concretamente o que se fez após tantos anos de "luta"?.
Não me parece valer a pena, já estamos mortos só falta o funeral.
Abraço muribundo.
F. Neto

JOSE DE JESUS CONDEZ

Gostaria de encontrar camaradas que estiveram incorporados no PELOTAO de MORTEIROS 1241 em ANGOLA onde chegamos no "NIASSA" em Dez. 1967.
Ali permanecemos até regressarmos a Portugal em Janeiro 1970.

CONTACTO :

JOSE DE JESUS CONDEZ
+33 563 646 047
jp.condez@orange.fr

José Guerreiro

PROCURO OS MEUS CAMARADAS DA C.ART 2719. FOMOS MOBILISADOS PARA MOCAMBIQUE (DIACA) ONDE CHEGAMOS NO "NIASSA" DIA 26.06.1970.ALI PERMANECEMOS ATE REGRESSARMOS A PORTUGAL EM AGOSTO DE 1972.
CONTACTO
JOSE GUERREIRO EX 1° CABO mail : rioseco@hotmail.fr

Manuel de Oliveira Neves

Pois. Agora somos dispensáveis. Contudos somos de certeza o repositório sagrado da Sagrada Pàtria Portuguesa. Gonçalo Mendes da Maia, O Lidador, combateu os sarracenos até para lá dos 90 anos. Nòs podemos combater os "sarracenos" de agora, os caseiros, ainda com mais genica porque não temos a provecta idade que tinha o Lidador. Vamos lá camaradas de armas. Sempre ouvi dizer que quem quer bolota,trépa. E se trepar significa combater, garanto-vos que os meus 60 anos não me impedem de trepar. E é a combater que obteremos a Justiça a que temos Direito e que nos têm negado,aldrabado e enganado. Vamos a esse Partido dos Combatentes, e JÀ!

Manuel de Oliveira Neves

Pois aí está uma excelente ideia, a de formar um Partido dos Combatentes do Ultramar. E é simples. Recolher uns milhares de assinaturas,falar com um jurista sério que saiba como se faz e toca a andar com estes malandros.
Vamos a isso, que se faz tarde.

Manuel Neves

Ouvi para aqui dizer que o 1º. Ministro, quer retirar mais direito aos Combatentes do Ultramar ? Mas quais direitos ? Serão as asquerosas migalhas que dão aos reformados ? Que pena que estes cavalheiros não me tenham tocado em Tete. Mal agradecidos e traidores. Vira casacas e imbecis sem ponta de honra ou pondunor. Estou velho,mas ainda lhes dava umas "carcássas" naquelas lindas caronhas. Agora companheiros. Deixem-se de lamúrias e erguam bem alto a cabeça e as vozes. Um homem só termina quando morre, e mesmo assim...

Um abraço para todos os Combatentes (não são Ex de coisa nenhuma) são Combatentes a quem a Pàtria não agradece os sacrifícios feitos e já que eles não nos veem,MOSTREMO-NOS NÒS. VIVA PORTUGAL.
Manuel Neves

Diamantino ventura

queria reencontrar os meus camaradas do batalhao cavalaria 3871, da companhia 3486. estivemos na guerra do ultramar em cabinda- Angola


tlm: 91 485 07 65

Antonio Pedro G. Teixeira

Gostava de contactar com camaradas que estiveram em Moçambique Monte chiluvo 1ª comp. de Caçadores Batalhão de Caçadores 4216.
Ex. Furriel Miliciano António Teixeira.

Silvia Ferreira

Gostaria de encontrar camaradas do meu pai, António Marques Ferreira, da Batalhao de artilharia 2916,Companhia de artilaria 2712 que prestaram serviço em Angola em 1970. tlm 965661829

Jose  F.  Santos

Caros Colegas,
Sou um ex combatente do Leste de angola da Companhia da cavelaria 2332. estou a residir nos EUA e procuro contacto com colegas da mesma unidade para um futuro convivio.
Por favor entrar em contacto comigo por email ou telefone, josefsantos8@gmail.com ou 001908-322-2099. Gostava muito de houvir de alguem dessa altura.
Ate breve!

José Capela

Gostaria de encontar colegas que estiveram em Angola no Destacamento de MAssarelo época 1961 a 1965.

FAvor contactar-me através dos número 255766703 ou claudiacapela@portugalmail.com


LF

Exmº Senhor
Visite www.combatentesporportugal.org/cvc1.htm e veja em 5 partes " Conversa com Dom Duarte, um Combatente"
Cumprimentos
Luis Fânzere

ANTONIO JOSE PEREIRA

procuro ex-combatentes que estiveram no Alto Catumbela/Angola nos anos 61/65 penso eu que eles eram paraquedistas ou sr. Carvalho Branco segundo
informacoes a viver em Portugal que esteve na altura no Alto Catumbela.sou
filho da Carolina da Conceicao pereira e neto Maria Rosa ex-lavadeira do hospital no bairro 1.com noradia no bairro da estacao.Pois caros amigos e ex combatentes do ultramar gostaria muito da vossa ajuda pois eu tento deste encontrar o meu pai que segundo aminha mae ele foi um destes paraqued
istas e chamava-se ANTONIO DA SILVA ENVAGELISTA.Se alguem souber de algo ou tiver contacto com ele digam ao mesmo que eu nao estou zangado com ele ou entereces financeiros sou quero saber quem e´omeu pai.
o contacto tel. de 004915112378151 telemovel ou 00497244737688 ALEMANHA.ou EMAIL:ZE-GRIFF@GMX.de se ligaram para o telemovel deixe tocar em curto espaco e dislegue que eu telefono de volta.

MUITO OBRIGADO.
ALEMANHA,AOS 29 DE JANEIRO 08.

Antonio de O. Gomes

A COMPANHIA DE ARTILHARIA 87 ou CART 87 Angola 1961 a 1963 na regiao dos Dembos.
Se fez parte desta Companhia ou conhece alguem que tenha pertencido a CART 87
entre em contacto comigo atravez da internet ou pelo telefone no Canada.

ANTONIO DE O. GOMES
EX FURRIEL MILICIANO
antonio.gomes@sympatico.ca
905 842 2963

Antonio de O. Gomes

A COMPANHIA DE ARTILHARIA 87 ou CART 87 Angola 1961 a 1963 na regiao dos Dembos.
Se fez parte desta Companhia ou conhece alguem que tenha pertencido a CART 87
entre em contacto comigo atravez da internet ou pelo telefone no Canada.

ANTONIO DE O. GOMES
EX FURRIEL MILICIANO
antonio.gomes@sympatico.ca
905 842 2963

madeira

Olá Soviético, tenho uma vaga ideia deste nome

Sou o Ex-Furriel Miliciano Madeira dos Rangers de Lamego, tb estive em Nangololo contigo
deixo o meu e-mail: briosamanoel@hotmail.com

Um Abraço

Horácio Leitão Costa

Gostaria de encontrar camaradas que estiveram incorporados na CF6 em 1972 e D. Marinha do Zambeze em 1973 no ( Chilombo ) agradeço que me contactem pois seria um gosto acolher e ver amigos do meu pai, que procura depois de muitos anos amigos de longa data.
Telemovel.934098536 Email- Toni_leitão@sapo.pt

maria teresa conde

Quando manifestei o desejo de aceder ao contacto de Manuel Ferreira Duarte, deveria ter deixado expresso, que só tinha em vista confirmar, se é a pessoa que conheci há alguns anos. Deixo assim o meu contacto: 962666918.

maria teresa conde

Gostaria de ter acesso ao contacto de Manuel Ferreira Duarte, se possível

Joaquim Lúcio Ferreira Neto

Apoio totalmente o camarada Sandoval Cruzinha. Mas parece-me que de preces e manifestações já estamos fartos.
Parece-me que ainda vamos a tempo de formar o nosso partido ou movimento, temos que os combater com as mesmas armas.
Vamos colher as assinaturas.
Apelemos à nossa já demonstrada coragem.
Haverá de certeza algum dos nosso filhos ou netos que poderá encabeçar o nosso movimento.

Joaquim Lúcio Ferreira Neto
Capitão miliciano na reserva
Rua D, 79 - Bouça Grande
4470-761 MAIA
TM 911990281

Joaquim Lúcio Ferreira Neto

O meu comentário, insere-se no que abaixo é transcrito e que tentei há cerca de alguns a esta parte, mesmo pagando, que os meios de comunicação social divulgassem:

"PARTIDO DOS COMBATENTES DO ULTRAMAR - ( PCU )

Camarada: (não no sentido partidário, mas sim de companheiro de armas), temos assistido ao longo destes últimos 30 anos, a uma total indiferença pela nossa situação. Surge do vez em quando um ou outro político, que para seu interesse partidário usa a nossa situação para proveito da sua cor, pretendendo defender-nos. Com interesse verdadeiro ou não admitamos-lhe o benefício da dúvida.
A verdade é esta, através de todos os governos que por cá tem passado, continuamos na mesma e assim continuaremos até que pela lei natural da morte deixemos de ser o objecto cada vez menos incómodo que tem constituído a nossa "classe".
Não sei se alguma vez nos apercebemos do grande partido que poderíamos ter constituído? Façam as contas às centenas de milhar que por lá passaram somados ao número dos seus familiares.
Em tempos sugeri a uma entidade relacionada com os deficientes das forças armadas, a formação de tal partido, tendo obtido como resposta, que etc. etc. e tal, mas... nada interessados – sabe-se lá porquê.
Somos menos, é verdade, mas talvez ainda em número suficiente, para fazermos ouvir a nossa voz directamente ao órgão respectivo.
Vamos tentar?
Se tomares conhecimento deste manifesto, dá a conhece-lo ao teu companheiro de armas e assim por diante. Veremos assim a extensão da nossa força actual. Coragem não nos falta, já o provamos..."

Joaquim Lúcio Ferreira Neto
Capitão miliciano na reserva
Rua D, 79 - Bouça Grande
4470-761 MAIA
TM 911990281

Manuel Ferreira Duarte

Manuel Ferreira Duarte, ex-furriel milº do PAD 926 - Angola 1963-1965, procura contatos com ex-integrantes desse PAD.

carlos albino

gostaria de encontrar camaradas que compriram comissão em Angola entre 1964 e 1966 com o meu pai (Albino o transmontano), na companhia de caçadores especiais nº671, que estiveram em benguela. contactar o 1º Sar Albino do RI19 (chaves), tlm 965790461, para futuro convivio

Bernardino MARTINS

Ex combatente em Angola 2º Cabo MARTINS (conhecido na altura como o "marquitas"), procura contacto com ex companheiros do Batalhão de Caçadores 2910, Companhia 2695 de 69/72.
mail: martins_cristina@hotmail.com

Mário Rodriugues

procuro noticias de camaradas pertencentes ao B. C. 1903. Cª caç. 1643. em comissão em Angola nos anos 67,68 e 69

David Martins

Boa tarde,

Gostava muito de encontrar os meus camaradas com quem estive em Negage, Carmona no ano de 72 pela FAP.

Obrigada

José Sardoeira

Companheiros de armas, de infortúnio,de razão e querer. Continuamos unidos, pelo menos na indiferença dos arruaceiros que tomaram de assalto o poder no pós 25 de Abril. Abril não se fez para derrubar a ditadura, que nós sentimos mais que ninguém, mas para que alguns usurpassem o que nunca conseguiriam por razão, justiça ou competência. Pátria ou morte, será porventura , mais que nunca, a palavra do sentir de todos os que desejam mais que nunca que tudo se endireite, mais que esta direita encapuçada, que nos governou desde então, em nome de uma esquerda, dita socialista, mas que tresanda a fascismo.
Se a união faz a força, juntemos o nosso querer e experiência para correr com a corja que nos tem assolado até agora.
(Procuro companheiro de armas de nome José António, ao tempo Furriel Mil. enfermeiro, na CART 2712,BART 2916 que prestou serviço em Angola em 1970).

Dias, ex-cabo nº103/75684574

um grande abraço para todos os ex-militares da 1º companhia do CII da EAMM de Boane/Moçambique, 1º incorporação de 74. Muito em especial para o colega cabo cozinheiro Serrão natural de Arco da Calheta freguesia de S.Jorge ilha da Madeira, que se encontrou comigo numa barbearia do Alto Maé, a cortar o cabelo para nos apresentarmos na EAMM em Boane para iniciar a recruta e trabalhavamos os dois no Bairro Rofino, junto ao Bairro do Jardim, sem esquecer o 1º cabo nº102 Tavares do Fundão.

Antão

ex-combatente do ultramar,Moçambique-Niassa Bart 2838 de 1968/1970
gostaria de saber de ex-companheiros CCS e do Batalhão em geral.
contactos:
narcisoantao@hotmail.com - Messenger
E-mail - narcisoantao@tvtel.pt


sa

gostaria de entrar em contacto com pessoal que esteve em nangololo

O Fafe

Queria encontrar os companheiros do Pelotão de Morteiros nº1121 que esteve no Zemba, Angola de 66 a 68!
Um abraço do Fafe condutor!

manuel santiago

cabo delgado camaradas o tempo passa mas eu nao esqueco somente nao encontro meus camaradas sou o sovietico de nangololo cart 7256 ou a companhia 3561 meu ameil tiago-m@hotmail.com tel. suissa 0041786258211 nao esqueco o sierra lima meia e o zorba um abraco deiam noticias

manuel santiago

gostaria de encontrar camaradas de armas da cart 7256 em nangololo cabo delgado 1972 a1974 o meu nome ou apelido era o sovietico ou o zorba o meu numero 07772772 agradecia se alguem conhece me envie um amril estou na suissa a 25 anos e gostaria de encontrar esses amigos meu tel.0041786258211

Sandoval Gonçalves Cruzinha

Camaradas de armas!
Após 34 anos do meu regresso de Angola, ando compulsivamente à procura de referencias do nosso passado comum. Ou seja,aquilo que nos une a todos, independentemente da nossa cor clubistica, ou politica!
SOMOS EX-COMBATENTES DO ULTRAMAR PORTUGUÊS, e esta vivencia não se pode ignorar. Merecemos a defesa da nossa dignidade! Fomos soldados de Portugal e não, soldados colonialistas como após o 25 de Abril passaram a chamar-nos alguns "iluminados politicos".
Por mim fui para Angola, em Maio de 1969 sem um grão de café no bolso, e vim de lá mais rico porque como era enfermeiro operacional da C:CAÇ.2512 do B.CAÇ. 2874, estive presente em muitas situações não só quando os meus camaradas de mim precisaram, como das populações indigenas a quem prestei sempre o melhor auxilio que me foi possivel dar!
Os Ex-Combatentes do Ultramar foram mal tratados por esta nossa Pátria Democrática! Estamos ainda a tempo, (porque a nossa geração ainda não morreu toda), de reparar e compensar com dignidade todos aqueles que a troco de nada, até a vida lá deixaram! A GNR, é sem duvida um Instituição meritoria, mas no que concerne á sua participação na guerra do Iraque, devo considera-los mercenários, atendendo a que os "voluntários" destacados, foram pagos principescamente! Não concordam?
Então quem foi que disse, que para trabalho igual, salário igual!? Ou seja, para missão militar em nome de Portugal, uns são herois outros colonialistas! E o risco de vida ? não era o mesmo? O Poeta é que tinha razão: mudam-se os tempos, muda-se a vontade...e as conveniências!
Um abraço camaradas!

Verify your Comment

Previewing your Comment

This is only a preview. Your comment has not yet been posted.

Working...
Your comment could not be posted. Error type:
Your comment has been saved. Comments are moderated and will not appear until approved by the author. Post another comment

The letters and numbers you entered did not match the image. Please try again.

As a final step before posting your comment, enter the letters and numbers you see in the image below. This prevents automated programs from posting comments.

Having trouble reading this image? View an alternate.

Working...

Post a comment

Comments are moderated, and will not appear until the author has approved them.